Google+ Followers

Igreja Evangélica Congregacional de Vila Mury

quinta-feira, 4 de setembro de 2014

levando Jesus

“Afinal, o que foram ver? Um profeta? Sim, eu lhes digo, e mais
que profeta. Este é aquele a respeito de quem está escrito: “
‘Enviarei o meu mensageiro à tua frente; ele preparará o teu
caminho diante de ti’.”
                                            Mateus 11:9-10



João Batista foi um profeta, e também objeto de profecia (Mal
3:1). Enquanto outros profetas anunciaram a era messiânica, João
abriu caminho para o próprio Messias. Enquanto outros profetas
falaram da salvação de Deus, João pôde indicar o próprio Salvador.
Foi profetizado que Deus enviaria Elias para preparar os corações
do povo (Mal 4:5). João também cumpriu esta profecia (Mt 11:14).
Profeta, objeto de profecias e o precursor do próprio Messias, João
era, como Jesus disse, "mais que profeta". Como a ponta do iceberg,
a era que João abriu trouxe mudanças as quais a humanidade nunca
vira igual, nem antes nem depois. Contudo, é preciso lembrar, como
a profecia que anunciou a vinda de João, que tudo aquilo aponta
para uma coisa só - a pessoa de Jesus. Por maior que um homem, um
ministério, uma igreja, ou um movimento seja, é preciso que guie as
pessoas para o alvo certo - Jesus Cristo, o Messias de Deus. Se
você mesmo for analisar seu serviço, seu ministério, em fim sua
vida, eles estão levando pessoas para quem? Você está ajudando
familiares, amigos e colegas a verem Jesus? Pode ser uma palavra de
exortação, consolo ou encorajamento. Pode ser uma visita ou um
e-mail. Você pode enviar uma meditação ou um devocional como este.
Por mais simples que seja, use os meios que você tiver para mostrar
Jesus. É isso que todos os servos de Deus, do maior ao menor, podem
e devem fazer. E não há ministério maior que esse.